Grupo na Ufes cria sistema de reconhecimento facial que pode ser usado pela polícia

Com 99,3% de precisão, sistema usa técnica de redes neurais e já é um dos melhores do mundo

DANILO R MEIRELLES | dmeirelles@redegazeta.com.br
Foto: Danilo R Meirelles | Gazeta Online

Danilo R Meirelles | Gazeta Online

O sistema compara um banco de fotos frontais com a imagem em movimento para identificar a pessoa. Mesmo com óculos de grau, a motorista do veículo foi reconhecida em menos de um segundo

Você se sente vigiado e se cansa de sorrir com tantas placas dizendo que você está sendo filmado. As câmeras de vigilância das lojas, prédios, shoppings e restaurantes, além das câmeras de monitoramento das prefeituras, estão espalhadas por todos os lados. Mas atenção! O “Big Brother” da vida real pode ganhar uma nova ferramenta. E ela é capixaba.

Um grupo de alunos e pesquisadores do Laboratório de Computação de Alto Desempenho (LCAD) da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), coordenados pelo professor Alberto Ferreira de Souza – que também coordena o projeto do carro autônomo-, desenvolve desde 1995 um sistema de reconhecimento facial com base na técnica de redes neurais sem peso.

O sistema de reconhecimento, que está entre os melhores do mundo, trabalha com um banco de fotos e é capaz de reconhecer em décimos de segundos uma pessoa que passar em frente a uma câmera conectada a ele. “Ele tem algumas limitações, como precisar que a foto seja frontal, mas consegue identificar um pessoa com precisão de 99,3% no caso dela estar sorrindo”, revela o professor.

Não é só de sorrisos, porém, que vive o sistema. De acordo com o professor, ele é capaz de identificar pessoas gritando, com a expressão nervosa ou mesmo de óculos escuros ou com máscaras ninja. “Essa é a vantagem do sistema de neurônios artificiais sobre o sistema de biometria: ele combina os dados e trabalha com comparações”, analisa.

Aplicações

Reconhecer o rosto por meio de combinações geradas pela técnica de redes neurais, com possibilidade de acerto de 99,3%, é surpreendente. Mas qual a aplicação prática desse sistema? O professor demonstra no vídeo abaixo um exemplo prático:

A câmera foi instalada no bloqueador solar do motorista. O sistema pode ser ligado à ignição e permitir a partida do motor apenas após reconhecimento

No famoso carro autônomo da Ufes, uma câmera instalada no protetor solar do motorista reconhece a pessoa logo após ela sentar ao banco. A velocidade impressiona e o sistema de som do automóvel ainda é capaz de identificar o usuário pelo nome e anunciar que ele está ao volante.

De acordo com o professor, esse sistema pode ser ainda aperfeiçoado, de modo a ser utilizado como programa de segurança. Ele diz que é possível que a partida do veículo ou a abertura das portas seja apenas autorizada após o reconhecimento facial ser realizado.

Outra aplicação prática possível seria para facilitar o reconhecimento de criminosos foragidos ou pessoas desaparecidas. “O policial poderia ter em seu celular um aplicativo que fizesse esse reconhecimento a partir do banco de dados de foragidos. Em uma blitz, o criminoso poderia ser identificado e autuado”.

Mercado

Alberto Ferreira destaca que para o produto ser colocado no mercado algumas etapas têm que ser superadas. E para que isso aconteça são necessários investimentos. “A polícia até se interessou pelo sistema, mas para isso sair do papel o Estado tem que fazer um grande investimento e isso já vira uma questão comercial que não compete ao ambiente acadêmico”, comenta.

Prêmios

O sistema de reconhecimento facial deu origem a um outro que é capaz de reconhecer placas de trânsito. Com 98,73% de precisão, o projeto de placas ficou em terceiro lugar em um importante concurso na Alemanha. E na capacidade de detecção de placas em uma imagem, ele ficou em 14º entre os melhores do mundo.

Confira a reportagem completa em: http://gazetaonline.globo.com/_conteudo/2013/04/noticias/especiais/1434442-grupo-na-ufes-cria-sistema-de-reconhecimento-facial-que-pode-ser-usado-pela-policia.html

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s